Loading...

Pesquisar neste blogue

A carregar...

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Sistematização

Sistematização é reunir vários dados disponíveis, e a partir desses dados, explicamos de uma forma resumida e clara, ou seja, é uma reflexão crítica sobre o processo de uma ou várias experiências, com o fim de descobrir ou explicar a lógica desse processo. Sistematizar permite reconhecer as etapas ou momentos deste processo, situar as características que definem cada uma delas e explicar porque foi possível passar de uma etapa para outra, nos permite explicar ou descobrir que elementos intervieram em cada etapa, qual foi a relação entre eles e quais foram as determinantes.
A sistematização permite localizar em que momentos ou etapas nos encontram, com o fim de orientar, conscientemente, a perspectiva de continuidade que queremos no processo no futuro.
Desta maneira, a sistematização serve de base para o processo de teorização, porque permite abstrair, a partir do que estamos fazendo, e encontrar via de interpretação de validade mais geral. Leva-nos, portanto, a obter conclusões e propostas teóricas, metodológicas e práticas.
Por isso, para sistematizar, é necessário registrar a experiência, conforme vai sendo realizada, da maneira mais fiel e literária possível; ordenar todo o material registrado, depois de um processo, com base em critérios específicos (os eixos ou temas sobre quais interessa sistematizar); analisar o processo ordenado, situando os distintos elementos que intervisam nele; situar as etapas de experiências o papel desempenhado por cada uma delas; interpretar a lógica do processo em seu conjunto, para situar o momento me que está.
No Serviço Social, a sistematização não só engloba os procedimentos investigativos com também, demarcam a ação profissional como objeto de reflexão, na prática de todo processo teórico-metodológico, técnico-instrumental e ético-político da ação do Assistente Social. Ela se tornou presente devido as exigências da formação profissional: a elaboração da monografia de conclusão de curso, ou seja, o TCC ( Trabalho de Conclusão de Curso).

Referência bibliográfica:

Baptista, Myrian Veras A produção do conhecimento social contemporâneo e sua ênfase no serviço social in Cadernos ABESS, nº. 5. São Paulo, Cortez, 1991, p. 84-95.


http://www.pronaf.gov.br/agroecologia/roteiro.doc


http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18140/tde-27092004-165114/

http://www.mte.gov.br/fnt/comissao.asp


http://www.fnepas.org.br/pdf/servico_social_saude/texto3-2.pdf

Sem comentários:

Enviar um comentário